Arquivo da categoria: Amazonas

Campeonato Amazonense de Juvenis – 1969

Classificação Final

                      pp  gp  gc

01º Olímpico          04  20  05
02º Nacional          11  10  06
03º São Raimundo      11  16  09
04º Fast              13  10  07
05º Rodoviária        15  12  17
06º Rio Negro         18  08  15
07º América           20  09  15
08º Sul América       20  07  18
Campeão - Olímpico Clube (Manaus)
Fonte: Jornal do Comércio / AM

Inédito!!! Noroeste Sport Club – Porto Velho do Estado do Amazonas (atual Rondônia): Fundado em 1923

O Noroeste Sport Club foi uma agremiação da cidade de Porto Velho (RO). O “Rubro-negro Porto-Velhense” foi Fundado na segunda-feira, do dia 1º de Janeiro de 1923, com o nome de Club Jararaca.

A Sede provisória ficava localizada na Avenida Sete de Setembro, nº 12 – Centro de Porto Velho. Já a sua Praça de Esportes foi inaugurada na sexta-feira do dia 12 de Outubro de 1923.

O clube sobrevivia por meio de realizações de bailes de carnaval, danças de salão, que eram realizados no Hotel Brasil. E também o clube realizava leilões variados.

O Noroeste disputou o Campeonato Citadino de Porto Velho, organizado pela Liga Desportiva Porto-Velhense (LDP), nos anos de 1923, 1924, 1925 e 1926. Nessas edições, contou com as seguintes agremiações: Brazil Sport Club, Noroeste Sport Club, União Sportiva Porto-Velhense (Fundado em 1916) e Ypiranga Sport Club (Fundado em 1919).

A cada ano, as competições (Campeonato Citadino e Torneio Início) recebiam o nome de uma personalidade local. Por exemplo, em 1925, a competição recebeu o nome de Taça Paulo Saldanha (coronel e desportista da cidade). As quatro equipes citadas acima estiveram presente nas competições até a década de 40.

 

Time base de 1923: Oliveira (Maicy); Grijalva e Maurício; Carlyle, Serapião e Ferreira; Azevedo, Carola, Lauro, Antonio e Pombinha.

Time base de 1925: Bensabath; Mundico e Antonio; Lincoln, Narciso e Palácio; Telmo, Lauro, Repolho, Carroussel e Joaquim.

Time base de 1926: Lindolpho (Bensabath); João (Ângelo) e Marques; Severino (Ciclysta), Lauro (Petronillo) e Trindade (Carlos); Zezinho (Carvalho), Repolho, Durval (Saavedra), Pombinha e Boy.

 Porto Velho, antes Estado do Amazonas 

Esclarecendo que na sexta-feira, do dia 02 de outubro de 1914, Porto Velho (atual capital de Rondônia) foi oficializado como Município pelo Estado do Amazonas, que na época a localidade fazia parte.

Em 1943, foi desmembrado do Amazonas assim como o Município de Lábrea e, juntamente com os Municípios Guajará-Mirim e Santo Antônio do Alto Madeira, desmembrados do Mato Grosso, passou a constituir o Território Federal do Guaporé, sendo sua capital.

Em 1945, após diversas reivindicações do Estado do Amazonas neste sentido, o Município de Lábrea foi devolvido ao Amazonas e o Município de Santo Antônio do Alto Madeira foi extinto, passando a integrar Porto Velho, sendo este e Guajará-Mirim os únicos municípios que compunham o Território Federal do Guaporé que, em 1956 passou a ser denominado Rondônia, e veio a ser elevado à categoria de Estado em 4 de janeiro de 1982.

 

FONTES: Prefeitura de Porto Velho/RO – Wikipédia – Alto Madeira (RO)

Brasil S.C. – Manaus/AM – Duas participações no Estadual.

O Brasil Sport Club foi fundado em Manaus no ano de 1919 com o nome de Botafogo Football Club. Inicialmente sua sede se situava na Rua Municipal, casa de número 141, no centro da cidade.

Em Janeiro de 1920 o clube mudou de denominação, passando a se chamar Brasil Sport Club e adotando as cores Verde e amarelo em seu uniforme.

Participou de apenas duas edições do Campeonato Amazonense, em 1921 e 1922. Ficou conhecido devido à goleada histórica que sofreu no campeonato de 1922, quando perdeu de 24×0 do Nacional. É considerada a maior goleada da história do futebol brasileiro, junto com a do jogo Botafogo x Mangueira, que teve o mesmo placar em 1909.

O Brasil era um time modesto e a diretoria do clube costumava realizar várias festas em sua sede social como torneios de futebol festivos no estádio Parque Amazonense. Já em 1924 as notícias sobre o clube desaparecem.

OBS: Não se sabe suas cores quando foi fundado como Botafogo, assim como não sabe-se os seus escudos.

Texto de Gaspar Vieira Neto – Historiador/Pesquisador do futebol amazonense.

Imagens dos uniformes adaptadas de desenhos de Sergio Mello. São meramente ilustrativas.

Torneio Pentagonal Coronel Manoel Fontenelle de Castro – 1959

Equipes Participantes:

Atlético Acreano (Rio Branco - AC)
Clube de regatas Flamengo (Porto Velho - RO)
Independência Futebol Clube (Rio Branco - AC)
Nacional fast Club (Manaus - AM)
Rio Branco Football Club (Rio Branco - AC)

Esta competição foi disputada em rodadas duplas em Rio Branco (AC)

Turno Único

03.09.1959
Independência 4x1 Rio Branco
Fast 2x2 Flamengo
05.09.1959
Fast 4x1 Rio Branco
Atlético 1x1 Independência
06.09.1959
Flamengo 6x3 Rio Branco
Atlético 3x1 Fast
07.09.1959
Atlético 1x1 Flamengo
Independência 1x1 Fast
09.09.1959
Atlético 2x0 Rio Branco
Independência 3x1 Flamengo

Obs.: Atlético e Independência terminaram empatadios e não houve decisão do título

Fonte: Arquivos do Autor

Pendências dos Campeonatos Estaduais- 2018 AMAZONAS

Bom dia pessoal,

Para facilitar nosso controle, adendo ao bate-papo do whats com essas pendências, vou colocar estado por estado aqui as carências, para justamente outros pesquisadores nos ajudarem a desvendar essas dúvidas.Basicamente nesta primeira etapa serão os clubes que já atuaram na 1º divisão em cada estado, depois farei 2º, 3º e por aí vai.As informações faltantes são o escudo, as cores e os uniformes desses clubes.Fiquem a vontade para ajudar.A data após o nome é a última participação do clube, quando não existe a data é porque tbm não temos essa informação.

CAMPEONATO AMAZONENSE PENDÊNCIAS

Atlético Guanabara Clube Manaus 1959
Brasil Sport Club Manaus 1922
Comercial Futebol Clube Manaus 1947
Educandos Atlético Clube Manaus 1960
General Osório Futebol Clube Manaus 1953
Guarani Futebol Clube Manaus 1959
Libertador Sport Clube Manaus 1931
Payssandu Sport Clube Manaus 1931
Sport Clube Monte Cristo Manaus 1934

Torneio Eliminatório Amazonense – 1918

DATA: 10 DE JULHO DE 1918
LOCAL: MANAUS – AM

1º JOGO

UNIÃO ESPORTIVA (abandonou o campo)

1-0

NACIONAL

2º JOGO

RIO NEGRO

1-0

AMAZONAS

3º JOGO

AMÉRICA

0-0

LUSO (2-1 ESC)

4º JOGO

MANAUS SPORTING

0-0

NACIONAL (3-2 ESC)

5º JOGO

RIO NEGRO

2-0

AMÉRICA

FINAL

MANAUS SPORTING

0-0

RIO NEGRO (3-1 ESC)

# CAMPEÃO – MANAUS SPORTING CLUB (MANAUS – AM)

Fonte: Jornal do Commercio / AM

Verdadeiro inventor da famosa “bibicleta”

Interessante matéria do “Jornal do Commercio” de Manaus, de 1970, enviada pelo pesquisar Gaspar Vieira Neto, sobre o jogador amazonense Marcolino que foi o primeiro que praticou a bicicleta no Brasil no início da década de 1920, quando defendia o Nacional ,bem antes de Leônidas. Na época a bicicleta era chamada em Manaus de “espanholita “.Em uma matéria de outro jornal do Amazonas, de 1953, afirmava que Marcolino já executava a jogada ainda garoto,quando jogava no time infantil do Nacional na década 1910.