Arquivo da categoria: Tocantins

Transtrevo Esporte Clube: O ‘Berço do futebol em Tocantins surgiu em Araguaína (TO)

O estado mais novo do Brasil é Tocantins, que surgiu quarta-feira, do dia 05 de outubro de 1988, ocupando o norte do estado de Goiás, e inserido na Região Norte do país. É um pouco maior que países como o Equador, Burkina Faso e Nova Zelândia, com uma área de 277 720,520 km². Palmas, a cidade planejada, é a sua capital.

Entrando no tema ‘futebol’, a maioria imagina que a modalidade passou a existir após o ano de 1988. Porém, muitas cidades, que antes pertenciam a estado de Goiás, já contavam com equipes e competições de bom nível.

Dessa lista, talvez o “Berço do Futebol de Tocantins” surgiu na cidade de Araguaína, onde atraiam o interesse da cidade, com os jogos, geralmente com os estádios lotados: Gauchão e Dom Orione.

Apesar das competições se restringirem a cidade e adjacências, as forças da cidade eram profissionais, onde contratavam até jogadores da capital, como Vila Nova, Goiás, Goiânia, e Atlético Goianense. Além das competições, as equipes realizavam amistosos com o times da capital goiana e de outros estados como o Maranhão.        

As principais forças da cidade eram três: Araguaína Esporte Clube, Araguaia Futebol Clube e Transtrevo Esporte Clube. Uma dos clubes mais interessantes é o que contarei um pouco da história abaixo!             

O Transtrevo Esporte Clube foi uma agremiação da cidade de Araguaína, quando a localidade ainda fazia parte do estado de Goiás (atualmente o estado do Tocantins). O “Leão do Norte” ou “Corujão” foi Fundado em 1978, por meio da fusão do Trevo Esporte Clube (Fundado em março de 1976, adotando as cores do Grêmio de Porto Alegre: preto, branco e azul) e Transbrasiliana Esporte Clube. O 1º Presidente foi Adson Lourenço Barbosa, que ficou pouco tempo no cargo em razão dos seus afazeres profissionais. O vice-presidente Silvio Negri o substituiu no cargo.

A sua Sede social campestre ficava na Avenida Mato Grosso, s/n, no Bairro Entroncamento, em Araguaína (TO). No local contavam com piscinas, campo de futebol, lagos naturais e, principalmente, um salão dançante, ponto de encontro da sociedade araguainense. Suas cores: azul, branco e preto.

O Transtrevo chegou no Quadrangular Final do Campeonato Citadino de Araguaína de 1979, organizado pela Liga de Esportes de Araguaína (LEA). O campeão foi o Araguaína Esporte Clube (O Touro do Norte); Araguaia Futebol Clube (Azulão e Raposa do Norte) ficou com o vice; o Transtrevo chegou na 3ª colocação e o Goiásrural Esporte Clube (alvirrubro – “A Chata do Norte”) fechou em 4º lugar.

DATARESULTADOS DOS JOGOSLOCAL
Domingo – 27/05/1979Araguaína5X2GoiásruralEstádio Gauchão
Domingo – 27/05/1979Araguaia2X1TranstrevoEstádio Gauchão
Domingo – 03/06/1979Transtrevo4X0GoiásruralEstádio Gauchão
Domingo – 03/06/1979Araguaína1X1AraguaiaEstádio Gauchão
Domingo – 10/06/1979Goiásrural0X3AraguaiaEstádio Gauchão
Domingo – 17/06/1979Araguaína1X0TranstrevoEstádio Gauchão
CLUBESPGJVEDGPGSSG
1Araguaína EC53210734
2Araguaia FC53210624
3Transtrevo EC23102532
4Goiásrural EC03003212-10

No domingo, do dia 08 de Julho de 1979, às 16 horas, em amistoso, o Transtrevo foi goleado pelo Goiânia Esporte Clube (GO) por 6 a 1, no Estádio Dom Orione. A Renda foi de 80 mil cruzeiros. Ivaldo foi o árbitro da peleja.

Os gols foram assinalados por Xambioá aos 11 minutos (Goiânia); Wilmar aos 30 minutos (Transtrevo), no 1º tempo. Heber aos cinco minutos (Goiânia); Palmir aos 15 e 25 minutos (Goiânia); Ulisses aos 20 minutos (Goiânia); Heber aos 43 minutos (Goiânia).

Transtrevo: Mundinho (Deni); Aurélio, Xambioá, Pinheiro e Neguinho; Fogoio, Lula e Jorginho (Antônio Neto); Gil (Manoel), Ariosto e Wilmar.

Goiânia: Nascimento (Itamar); Roberto, Ulisses, Lula e Odon; Alá, Pedro Paulo (Luís Humberto) e Palmir (Carlos Alberto); Paulo Monteiro (Flávio), Heber e Pedro Ornella.

Em julho de 1979, a equipe Transtrevina foi o 1º clube da cidade de Araguaína a se filiar na Federação Goiana de Futebol (FGF). Semanas depois foi à vez do Araguaína e Noroeste seguirem os mesmos passos.

O II Torneio Integração do Norte – TIN (Torneio Wilmar Rocha) teve a participação de oito clubes, divididos em dois grupos de quatro:

Chave A – Transtrevo Esporte Clube; Wanderlândia; Tocantinópolis Esporte Clube e Goiásrural Esporte Clube.

Chave B – Araguaína Esporte Clube; Xambioá; Araguaia Futebol Clube e Pedro Afonso.

DATARESULTADOS DOS JOGOSLOCAL
Domingo – 29/07/1979Araguaína3X0TocantinópolisEstádio Dom Orione
Domingo – 29/07/1979Xambioá0X1TranstrevoXambioá
Domingo – 29/07/1979Wanderlândia3X0AraguaiaWanderlândia
Domingo – 29/07/1979Pedro Afonso3X3GoiásruralPedro Afonso
Domingo – 05/08/1979Tocantinópolis1X3AraguaiaTocantinópolis
Domingo – 05/08/1979Transtrevo3X1Pedro AfonsoEstádio Dom Orione
Domingo – 05/08/1979Wanderlândia0X4AraguaínaWanderlândia
Domingo – 05/08/1979Xambioá4X2GoiásruralXambioá
Domingo – 12/08/1979Araguaína2X0GoiásruralEstádio Dom Orione
Domingo – 12/08/1979Araguaia1X1TranstrevoEstádio Dom Orione
Domingo – 12/08/1979Tocantinópolis4X1XambioáTocantinópolis
Domingo – 12/08/1979Pedro Afonso3X3WanderlândiaPedro Afonso
Domingo – 19/08/1979Araguaia5X0GoiásruralEstádio Dom Orione
Domingo – 19/08/1979Araguaína1X1TranstrevoEstádio Dom Orione
Domingo – 19/08/1979Wanderlândia1X0XambioáTocantinópolis
Domingo – 19/08/1979Pedro Afonso2X1TocantinópolisPedro Afonso
Domingo – 26/08/1979Goiásrural3X0XambioáEstádio Dom Orione
Domingo – 26/08/1979Araguaia3X0WanderlândiaEstádio Dom Orione
Domingo – 26/08/1979Tocantinópolis2X2AraguaínaTocantinópolis
Domingo – 26/08/1979Pedro Afonso2X2TranstrevoPedro Afonso
Domingo – 02/09/1979Goiásrural2X1Pedro AfonsoEstádio Dom Orione
Domingo – 02/09/1979Transtrevo0X0AraguaiaEstádio Dom Orione
Domingo – 02/09/1979Xambioá1X0TocantinópolisXambioá
6ª-feira – 07/09/1979Goiásrural0X1AraguaínaEstádio Dom Orione
Domingo – 09/09/1979Araguaia3X1TocantinópolisEstádio Dom Orione
Domingo – 16/09/1979Transtrevo5X0XambioáEstádio Dom Orione
Domingo – 16/09/1979Araguaína6X0WanderlândiaEstádio Dom Orione
Domingo – 16/09/1979Tocantinópolis1X0Pedro AfonsoTocantinópolis
Domingo – 23/09/1979Goiásrural1X3AraguaiaEstádio Dom Orione
Domingo – 23/09/1979Transtrevo0X1AraguaínaEstádio Dom Orione
Domingo – 23/09/1979Wanderlândia3X3Pedro AfonsoWanderlândia
Domingo – 30/09/1979Tocantinópolis6X1WanderlândiaEstádio Dom Orione

CHAVE A

CLUBESPGJVEDGPGSSG
1Transtrevo EC1083411367
2Tocantinópolis7831415123
3Wanderlândia682241025-15
4Goiásrural EC582151119-8

CHAVE B

CLUBESPGJVEDGPGSSG
1Araguaína EC14862020317
2Araguaia FC12852118711
3Pedro Afonso681431518-3
4Xambioá58215616-10

Após o final da fase de classificação avançaram as semifinais os dois primeiros de cada grupo, sendo que o Araguaína e Transtrevo levaram um ponto extra para o turno final, por terem sido os campeões das suas chaves. 

No domingo, do dia 07 de outubro de 1979, Araguaia e Transtrevo, se enfrentam, no Estádio Dom Oirone, em Araguaína. No outro jogo, o Tocantinópolis recebeu o Araguaína, na inauguração do Estádio Municipal Lauro Assunção. No final, melhor para o Araguaína que faturou o bicampeonato

No sábado, do dia 08 de setembro de 1979, o Transtrevo enfrentou amistosamente, às 16 horas, o Goiás Esporte Clube, o “Periquito da Serra“, no Estádio Dom Orione, em Araguaína. A partida terminou empatada em 1 a 1. O “Leão do Norte” abriu o placar, aos 16 minutos, por intermédio de Wilmar, batendo pênalti. Aos 42 minutos, Tostão deixou tudo igual no primeiro tempo.   

Transtrevo é campeão da Taça Cidade de Araguaína de 1980

Na temporada de 1980, a diretoria procurou reforçar a equipe, trazendo bons jogadores das equipes rivais e até do Vila Nova de Goiânia. Com isso, logo na primeira competição veio o título, ao faturar o caneco da Taça Cidade de Araguaína.

No jogo-extra para definir o campeão, no domingo, do dia 05 de maio de 1980, o Transtrevo enfrentou o Araguaína, uma “pedra no sapato” nas últimas competições. Porém, dessa vez, o “Leão do Norte” rugiu mais forte e bateu o “Touro do Norte” pelo placar de 1 a 0, no Estádio Dom Orione.      

Com uma Renda superior a 48 mil cruzeiros, o gol da vitória só saiu aos 35 minutos do segundo tempo, por intermédio do atacante Gênis. O Transtrevo jogou com: Davi; Negrinho, Xambioá, Aimê (Gambá) e Bozoga; Guinha, Isau e Luiz Dario; Pelezinho (Lula), Gênis e Silva Neto.

Logo depois, aconteceu o Campeonato de Araguaína de 1980. Novamente, Transtrevo e Araguaína decidiram o título. Dessa vez, o Araguaína deu o troco, vencendo por 1 a 0, no Estádio Dom Orione, levantando o troféu. 

Campeão do Torneio Início de 1981

Em 1981, o Transtrevo faturou o Torneio Início da Taça Cidade de Araguaína. Na estreia venceu o D. Pedro, nos pênaltis, por 3 a 1. Depois eliminou o Novo Horizonte. Na final, o Transtrevo bateu o Araguaia por 3 a 2, na disputa de penalidades, levantando o troféu George Farah.

Transtrevo faturou o 1º turno do IV Torneio Integração do Norte de 1982

Para chegar ao título da Chave A, bastou o “Leão do Norte” vencer os seus jogos diante dos pequenos e empatar com os grandes. Na última rodada, domingo – 07 de fevereiro de 1982, o Transtrevo comandado por Noé Braga, arrancou empate sem gols, com o Araguaia Futebol Clube, no Estádio Gauchão.

No returno, as posições se inverteram e o Araguaia levou o caneco. Com isso, as duas equipes decidiram o título. No 1º jogo, domingo – 07 de Março de 1982, Araguaia e Transtrevo ficaram no empate em 1 a 1. O Azulão abriu o placar aos 38 minutos, por intermédio de Tataira, no primeiro tempo. Na etapa final, aos 37 minutos Bozoga deixou tudo igual.

Na partida derradeira, domingo – 14 de Março de 1982, o Araguaia venceu o Transtrevo por 3 a 2, no Estádio Gauchão, e ficou com o título da Chave A. Agora o Araguaia e Clube Atlético Paraíso (campeão da Chave B), de Paraíso do Norte (atual: Paraíso do Tocantins), vão decidir que será o campeão do IV Torneio Integração do Norte de 1982.     

FONTE: Jornal do Tocantins (GO)

FOTO (Colorida): Página do Facebook “Show de Bola Araguaína”

Compartilhe...

Embuguaçuano Esporte Clube – Colméia (TO): Debutará na Segundona de Tocantins, em 2017

O Embuguaçuano Esporte Clube é uma jovem agremiação  do Município de Colméia, no Estado do Tocantins. Com pouco mais de seis meses de existência (O clube foi Fundado no sábado, do dia 18 de Fevereiro de 2017), já conquistou um título.

No sábado, do dia 20 de Maio deste ano, o Embuguaçuano de Colméia se sagrou campeão do Campeonato Tocantinense Amador. Após vencer, em casa, no jogo de ida o União Peixense pelo placar de 5 a 2, o Embuguaçuano poderia até perder por dois gols para ser campeão.

Jogando com o resultado o time acabou derrotado por 2 a 1, na cidade de Peixe, o que em nada atrapalhou os festejos do jovem clube. Com o título, o Embuguaçuano disputará o Campeonato Tocantinense da Segunda Divisão em 2017.

Vale lembrar que a Segundona terá início no dia 21 de outubro de 2017. A competição contará com a participação de 10 clubes divididos em dois grupos de cinco equipes. No Grupo A:

Associação Atlética Alvorada;

Capital Futebol Clube;

Imagine Futebol Clube;

Palmas Futebol e Regatas;

União Esporte Clube, de Palmas.

No Grupo B:

Araguaína Futebol e Regatas;

Embuguaçuano de Colméia;

Kaburé Futebol Clube;

Nova Conquista Esporte Clube;

Sport Club Guaraí.

A estreia do Embuguaçuano Colméia acontecerá no dia 29 de outubro de 2017, diante do tradicional Kaburé F.C., às 16h, no Estádio Delfino Pereira Lopes, o ‘Delfinão’, localizado na cidade de Guaraí.

 

FONTES: Federação Tocantinense de Futebol (FTF)  – Site Alô Esportes – Blog Escudos do Mundo Inteiro, de Homero Queiroga

Compartilhe...

Interporto Futebol Clube – Porto Nacional (TO): Fundado em 1990

O Interporto Futebol Clube é uma agremiação da cidade de Porto Nacional (TO). O “ Tigre Portuense ” foi Fundado no dia 13 de julho de 1990, e tem a sua Sede localizada na Avenida Ibanez Aires, s/n, Setor Aeroporto, em Porto Nacional. A equipe manda os seus jogos no Estádio Municipal General Sampaio,  em Porto Nacional, com capacidade para 2 mil pessoas.

A história do Interporto na esfera profissional começou no Campeonato Tocantinense da 1ª Divisão, em 1995, quando terminou na 8ª posição. Depois disso, o Tigre Portuense consolidou-se como uma das grandes equipes da região, conquistando a Copa Tocantins em 1998 e ficando entre os três melhores times do Campeonato Tocantinense de 1997 a 2002, com direito a um título em  1999.

Entretanto, depois do bom início na elite, o Tricolor (azul, amarelo e branco) amargou algumas temporadas com um desempenho abaixo da média e acabou sendo rebaixado no Estadual de 2008. De volta após a conquista da Segunda Divisão de 2009, o Interporto voltou a fazer boas campanhas: após o vice-campeonato em 2011, a equipe finalmente voltou a conquistar a principal competição do Tocantins nas temporadas de 2013 e 2014, credenciando-se não só para a disputa da Copa do Brasil, mas também do Campeonato Brasileiro Série D.

Em 2015, ficou com o vice-campeonato Estadual. Este ano (2016), acabou ficando nas semifinais ao ser eliminado pelo Gurupi (que acabou se sagrando campeão desta temporada), perdendo o jogo de ida por 1 a 0, e na volta, diante da sua torcida não conseguiu reverter o quadro e ficou no empate sem gols

FONTES: Site do clube – Página do clube no Facebook – Prefeitura de Porto Nacional (TO) – Federação Tocantinense de Futebol (FTF) – Ismael Carlos

Compartilhe...

Capital Futebol Clube (Ex-Ricanato F.C.) – Palmas (TO)

Fundado no dia  21 de Maio de 2012, o  Ricanato Futebol Clube, da cidade de Palmas (TO), mudou de nome.  Na quarta-feira, dia 09 de novembro de 2016, a agremiação anunciou, oficialmente, que a partir desta data passa a se chamar Capital Futebol Clube.  Além de mudar o nome, o clube alterou as suas cores, trocando o azul e branco pelo rubro-negro.

A breve história pós fundação veio somente em 2014, quando se profissionalizou para disputar o Campeonato Tocantinense da 2ª Divisão. Nesta competição terminou em 3º lugar, onde mandou seus jogos no Estádio General Sampaio, em Porto Nacional.

Em 2015, subiu um degrau, terminando com o vice-campeonato, só atrás do  Miracema (campeão da Segundona). Com o resultado, o Ricanato e o Miracema foram promovidos ao Campeonato Tocantinense da 1ª Divisão. Desde então, a equipe joga suas partidas como mandante no estádio Nilton Santos, em Palmas.

Neste ano, o Ricanato debutou na Elite do futebol tocantinense. Com a participação de 8 (oito) clubes, terminou na 5ª colocação. Foram 14 jogos, com quatro vitórias, quatro empates e seis derrotas; marcando 16 gols e sofrendo 18, com saldo negativo de dois. Nas divisões de base, o clube vem realizando um bom trabalho.  Em 2013 faturou dois títulos em torneios na Sub-17 e Sub-19, além de ter se tornado o 1º clube de Tocantins a disputar a Taça BH de Futebol, em Belo Horizonte (MG).

Em 2015, o clube faturou o título interestadual com campanhas da equipe Sub-17. E, recentemente, no mês de novembro de 2016, o Ricanato se sagrou campeão do Campeonato Tocantinense Sub-18. Com esse resultado, o clube assegurou o direto de disputar, pela primeira vez, a Taça São Paulo de Futebol Júnior, em janeiro de 2017

Abaixo, a nota na íntegra, sobre o comunicado oficial da mudança do nome: “Na busca de ser destaque nas competições locais e nacionais, acompanhando o que há de melhor e mais moderno em administração de clubes, nasce em Palmas, o Capital Futebol Clube, que irá substituir o Ricanato FC. O projeto já está em curso e a partir da próxima temporada, a equipe ganhará, inclusive, novas cores: vermelho e preto (rubro-negro). O CNPJ será o mesmo, apenas haverá a mudança do nome do clube.

Segundo o presidente do Ricanato FC, Ricardo Carreira, o objetivo principal a ser cumprido é continuar a administração profissionalizante, mas agora com uma perspectiva ainda mais ousada. Ou seja, incorporar ao clube o nome da Capital, o nome do Tocantins – e lançar o Estado por intermédio de um time que vai brilhar nacionalmente, dentro dos princípios que estão sendo adotados pelos grandes clubes internacionais“.

FONTE & IMAGENS: Wikipédia – Página do Clube no Facebook – Escudos do Mundo Inteiro – Conexão Tocantins – Homero Queiroga

Compartilhe...

Uniforme de 2005: Araguaína Futebol e Regatas – Araguaína (TO)

Araguaína Futebol e Regatas é uma agremiação da cidade de Araguaína (TO). O Tourão do Norte foi Fundado no dia 28 de fevereiro de 1997. É o clube de maior torcida do estado do Tocantins. O Tourão do Norte é sucessor do extinto Araguaína Futebol Clube, agremiação fundada em 1979 que se desligou oficialmente da Federação Tocantinense de Futebol em 1996.

O apelido Tourão do Norte é uma alusão ao mercado agropecuarista do município. A cidade de Araguaína é conhecida como “ A capital do boi gordo” pelo grande número de rebanhos bovinos que fazem da cidade a maior exportadora de carne bovina do estado do Tocantins.

No ano de 2004, chegou pela primeira vez a uma decisão do Campeonato Tocantinense, perdendo o título para o Palmas. Em 2005, foi novamente vice-campeão estadual. A primeira conquista do Campeonato Tocantinense ocorreu em 2006, quando bateu oTocantinópolis na final. No mesmo ano, participou do Campeonato Brasileiro da Série C, terminando na trigésima oitava colocação.

Na edição de 2007 da competição, mesmo tendo realizado a melhor campanha de seu grupo, o Araguaína acabou perdendo 12 pontos nos tribunais, devido à escalação do jogador Eucimar de forma irregular em duas partidas. O clube conseguiu recorrer, porém, a terceira fase da competição já estava sendo disputada, a equipe não conseguiu ser novamente incluída.

ANOS DE OURO

Em 2009, foi um ano excelente para o Tourão do Norte, primeiramente porque houve a construção de um novo estádio na cidade, oMirandão. A partida de inauguração foi contra o Goiás, em que o esmeraldino venceu por 2 x 1. o Araguaína chegou a final do Campeonato Tocantinense pela quinta vez em seis anos.

Fazendo uma boa campanha no estadual, o Touro chegou até a finalíssima contra o Palmas, arrancando um empate na capital por 1 x 1. No Mirandão o clube empatou em 2 x 2 e venceu o Palmas por 5 x 3 nos pênaltis e conquistou seu segundo título.

Representou o estado do Tocantins na Copa do Brasil de 2010, competição da qual foi eliminado na 1ª fase pelo Guarani de Campinas. No dia 16 de outubro de 2010, o Araguaína tornou-se a primeiro equipe tocantinense a subir de divisão no Campeonato Brasileiro, sendo promovido da Série D para a Série C.

A partida que decretou a ascensão do clube, válida pelas quartas-de-final da competição, foi contra o Uberaba. Após um empate sem gols no tempo normal, o Araguaína venceu a disputa de pênaltis por 3 a 2, com atuação destacada do goleiro Huanderson, que defendeu três cobranças.

Além do acesso, o clube garantiu vaga nas semifinais da Série D. Porém, não conseguiu chegar às finais, sendo eliminado pelo Guarany de Sobral com dois empates.

CRISE

Em 2011, o Araguaína não fez boas campanhas nas competições que disputou. No primeiro semestre, disputou o Campeonato Tocantinense, onde a equipe não foi muito bem e acabou rebaixada. No segundo semestre, jogou a segunda divisão do estadual e não conseguiu o acesso. Na Série C, ficou com apenas 1 ponto no Grupo A da competição e foi rebaixado.

Em 2012, começou o ano Sonhando em herdar a vaga do Rio Branco-AC que havia sido punido pela Quarta Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), mais depois de muita confusão, foi decretada o rebaixamento do Araguaína que não disputou a Série De novamente o Campeonato Tocantinense da 2ª Divisão.

 

FONTE & FOTO: Wikipédia – Ismael Carlos

Compartilhe...

Uniforme de 2006-08: Clube Atlético Cerrado – Paraíso do Tocantins (TO)

Em sua estréia em competições, chegou até a semifinal, após eliminar o União Araguainense, nos pênaltis na segunda fase. Perdeu a vaga na decisão para o Interporto. Repetiria a dose em 2010, ao atingir a fase semifinal e ser novamente eliminado por uma equipe que se sagraria campeã, o Guaraí.

Em 2011, com a mudança no regulamento do campeonato, que adotou o critério dos pontos corridos para definir os dois finalistas, o Atlético Cerrado não passou da primeira fase, terminando na quarta colocação. Teve o mesmo destino no ano seguinte, quando foi o quinto colocado.

Em 2013, fez sua pior participação na competição, obtendo apenas uma vitória e encerrando sua participação na lanterna de seu grupo, em sétimo lugar no geral. Atualmente, o clube se prepara para o Campeonato Tocantinense da Série B.

FONTES & FOTO: Wikipédia – Página do clube no Facebook – Ismael Carlos

Compartilhe...

Associação Taquarussú Esporte Clube – Palmas (TO): Modelo de 2015

A Associação Taquarussú Esporte Clube é uma agremiação da cidade de  Palmas (TO). Fundado no dia 08 de Fevereiro de 1991, tem a sua Sede situada na Rua 29-A Quadra 39 Lote 05, no Bairro Taquaruçu, em Palmas. Marilon Barbosa Castro foi o 1º Presidente. Atualmente o clube é presidido por Rodrigues dos Santos, o Goiano.

Principais títulos na categoria adultos:

Campeão Estadual da 2ª Divisão em 1991;

Campeão Amador do Copão Primavera de 2010;

 

Principais títulos nas categorias de base:

campeão da 1ª Taça Vanderlei Luxemburgo Sub-18 em 2009;

Campeão do Copão Primavera Sub-16 em 2009;

Campeão da Copa Revelação Sub-18 em 2010.

 

FONTES: O Girassol – Ismael Carlos

Compartilhe...