Arquivo da categoria: Brasil

O Anulado Campeonato Potiguar de 1942

A intervenção na FND:

O campeonato Potiguar de 1942 não foi suspenso por causa da guerra. A Federação Norte-rio-grandense de Desportos sofreu denuncia junto a Confederação Brasileira de Desportes CBD sobre ilegalidades entre os filiados. Em agosto de 1942, o então interver e presidente da Federação suspendeu a competição, por intervenção da CBD. As denuncias oriundas de equipes como América e Alecrim, alegava que os tramites na federação permitia a existência de clubes chamados de filiais que facilitavam conquistas da equipe matriz. Nesta intervenção, o Paissandu, um clube “filial” do ABC, foi definitivamente eliminado do campeonato estadual. O Presidente então, capitão Porphirio da Paz, que por medida legais suspendeu o evento e também devido ao medo que tomou conta da cidade com relação à Segunda Guerra Mundial se estendeu por todo ano as atividades da entidade.

A competição começou, com sete clubes, a ser disputada em 17 de maio e se estendeu até 23 de agosto com uns jogos realizados e outros suspensos.

A tabela do Turno:

17/5/42 ALECRIM 3X1 ATLETICO

24/5/42 SANTA CRUZ 4X2 FORCA ELUZ

7/6/42 PAISSANDU 3X1 AMERICA

14/6/42 ABC 10X0 FORCA E LUZ

21/6/42 SANTA CRUZ 3X1 ATLETICO

5/7/42 ALECRIM 2X1 AMERICA

12/7/42 ABC 4X0 PAISSANDU

19/7/42 ATLETICO 4X3 FORCA E LUZ

26/7/42 AMERICA 6X3 SANTA CRUZ

1/8/42 ALECRIM 2X2 PAISSANDU…

9/8/42 ABC X ATLETICO *(1)

16/8/42 AMERICA 9X3 FORCA ELUZ

23/8/42 SANTA CRUZ 2X2 ALECRIM

* (2) :

SANTA CRUZ x PAISSANDU

AMÉRICA x ATLÉTICO

ABC x ALECRIM

PAISSANDU x ATLÉTICO

ABC x SANTA CRUZ

FORCA E LUZ xALECRIM

ABC x AMÉRICA

PAISSANDU x FORCA E LUZ

*1 este jogo não ocorreu provavelmente devido as fortes chuvas na cidade.

*2 estes jogos foram suspensos pela FND

A classificação do turno até a paralisação estava com o Alecrim na liderança, seguido pelo Santa Cruz. Em 28 de outubro de 1942, em solenidade na Federação, o Capitão Porphirio da Paz , foi efetivado como presidente da federação e somente em fevereiro de 1943 através de uma resolução se pronunciou oficial sobre o campeonato de 1942, anulando todos os jogos.

A cidade do Natal em posição estratégica, distando apenas 20 km da base aérea onde à época faziam escala os bombardeiros norte-americanos que rumavam para o Norte da África, e com o advento dos primeiros torpedeamentos de navios mercantes brasileiros por submarinos alemães e o receio de um ataque nazista à cidade deixou a população intranquila, influenciando assim a uma possível sequência do estadual de futebol daquele ano.

A Guerra por aqui: 

A Guerra Mundial se alastrou de 1939 a 1945 e nenhum campeonato de futebol no Brasil foi abalado por este terrível drama. Em 1942 entre os dias 5 e 17 de agosto, seis navios brasileiros foram afundados por submarinos alemães, com a morte de mais de 600 pessoas é que o país, após pressões, declarou guerra contra Itália e Alemanha, o que ocorreu no dia 31 de agosto de 1942.

O presidente Getúlio Vargas solicitou ao presidente norte-americano Rooselvelt que modernizasse as Forças Armadas e concedesse empréstimos para construir a siderúrgica CSN em Volta Redonda/RJ. Em troca, o Brasil cedia um terreno em Natal para os americanos instalarem uma base militar que tinha o objetivo de ser o local de decolagem dos aviões que rumavam à Europa .

A cidade do Natal em posição estratégica, distando apenas 20 km da base aérea onde à época faziam escala os bombardeiros norte-americanos que rumavam para o Norte da África, e com o advento dos primeiros torpedeamentos de navios mercantes brasileiros por submarinos alemães e o receio de um ataque nazista à cidade deixou a população intranquila, influenciando assim a uma possível sequência do estadual de futebol daquele ano.

 Enfim, ilegalidades foi o motivo do campeonato ser anulado, porém a guerra teve sua contribuição para um possível sequenciamento ou um novo torneio do até então único campeonato potiguar anulado.    

Pesquisa nos jornais: A República (Arquivo Publico) – A Ordem e pesquisadores José Patrocínio Brito, Everaldo Lopes e o autor.

Os jogos amistosos dos clubes do Rio G. do Norte no ano de 2011

Relacionamos os jogos amistosos dos clubes do Rio Grande do Norte entre si e com equipes de outros estados e países no ano de 2011:

5/01 River Plate-RN 1×5 Potiguar-M em Baraúna-RN

8/01 Sel. Felipe Guerra 0x3 Potiguar-M em Felipe Guerra-RN

9/01 Sel. Areia Branca 0x1 Baraúnas em Areia Branca

9/01 Treze-PB 4×0 Centenário Parelhas-RN em Campina Grande/PB

19/01 ABC/RN 1×3 River Plate (Uruguai) no Frasqueirao em Natal

12/01 Desportiva Apodi 1×2 Baraúnas em Apodi-RN

12/01 Upanema-RN 1×2 Potiguar-M em Upanema-RN

15/01 Santa Cruz-RN 4×1 Cruzeiro (Macaíba-RN) em Santa Cruz

16/01 ASSU 2×0 Sel. Areia Branca em Açu

16/01 Corintians-RN 1×2 Caico EC-RN em Caico-RN

16/01 Sousa/PB 1×2 Potiguar/M em Sousa/PB

16/01 Baraunas 4×1 Upanema-RN em Mossoró/RN

16/01 America/RN 10×0 Projeto de Gol(Arês RN) em Japecanga/ Parnamirim/RN

18/01 Treze/PB 1×2 America em Campina Grande/PB

18/01 Centenário(P)/RN 1×1 Treze/PB em Parelhas/RN

18/01 Alecrim 1×1 Sel. da Liga Dix Sept Rosado(Natal) no Machadão em Natal

19/01 Botafogo/PB 2×0 Palmeira(Goianinha) em João Pessoa/PB

19/01 Santa Cruz/RN 4×3 Baraunas em Santa Cruz/RN

19/01 Corintians/RN 3×1 Sel. Upanema/RN em Caico/RN

19/01 Centenário Pauferrense 9×1 São Benedito-PF em Pau dos Ferros

20/01 ASSU 5×0 Sel. Angicos/RN em Açu/RN

22/01 Botafogo/PB 1×3 ABC em João Pessoa/PB

23/01 Sel. Tibau 0x1 Palmeira em Tibau do Sul-RN

23/01 Alecrim 4×0 Sel.Zona Norte (Natal) no JL em Natal

23/01 ASSU-RN 3×0 Upanema-RN em Açu/RN

23/01 Centenário Pauferense 1×1 Caico EC- em Pau dos Ferros/RN

23/01 Baraúnas de Mossoró 1×1 Santa Cruz-RN em Areia Branca-RN

23/01 America/RN 0x1 Treze-PB no Machadão em Natal

23/01 Sel. Aracati/CE 0x1 Potiguar-M em Aracati/CE

23/01 Centenário Pauferrense 1×1 Caico EC em Pau dos Ferros

26/01 Centenário Pauferrense 5×0 Vila Nova(Água Nova-RN) em Pau dos Ferros/RN

 27/01 Sousa-PB 1×0 Corintians(caicó) em Sousa-PB

12/05 ABC 4×1 CSP/PB no Frasqueirão emNatal

4/06 Baraúnas 5×3 Potiguar/M em Mossoró

15/06 America/RN 2×0 Sel. Itajá/RN em Goianinha/RN

19/06 Santa Cruz/PE 3×0 America no Arruda em Recife/PE

22/06 Palmeira/RN 1×1 America em Goianinha/RN

23/06 Alecrim 0x0 Visão celeste/RN em D.Sept Rosado emNatal

26/6 America 1×1 Santa Cruz/PE em Goianinha/RN

29/6 Sel. Areia Branca 1×1 Baraúnas em Areia Branca/RN

2/07 America 0x1 Santa Cruz/RN em Goianinha/RN

3/07 Sel. Areia Branca 0x5 Baraúnas em Areia Branca/RN

3/7 Sel. Canguaretama 0x3 Alecrim em Canguaretama/RN

5/07 Campinense/PB 1×1 ABC-B / RN em Campina Grande/PB

5/07 Santa Cruz/RN 2×1 America em Santa Cruz/RN

6/7 Palmeira 0x2 Alecrim em Goianinha

7/07 Santa Cruz 5×0 Cruzeiro( Macaíba) em Santa Cruz/RN

10/07 Campinense/PB 1×1 Santa Cruz/RN em Campina Grande/PB

11/07 ABC-B/RN 0x2 Alecrim no Frasqueirão em Natal

13/07 America/RN 5×0 Cruzeiro(Macaíba) no CT Japecanga em Parnamirim

obs: se o leitor souber de outros jogos não incluso nesta lista, pedimos que informe.

Os jogos amistosos dos clubes do Rio G. do Norte no ano de  2010

.  

Relacionamos os jogos amistosos dos clubes do Rio Grande do Norte entre si e com equipes de outros estados e países no ano de 2010:

05.01.10 Santa Cruz/PE 2 x 0 ASSU em Recife/PE

06.01.10 Treze/PB 4 x 1 Alecrim em Campina Grande/PB

06.01.10 Seleção de Eloi de Sousa 0 x 3 America/RN em Eloi de Sousa/RN

07.01.10 ABC 4 x 0 ASSEPLAN/RN no Frasqueirão em Natal

09.01.10 America 3 x 2 ASSU em Parnamirim/RN

09.10.10 Botafogo/PB 1 x 0 Alecim em João Pessoa/PB

09.01.10 Seleção de Eloi de Sousa 1 x 6 ABC em Eloi de Sousa/RN

10.01.10 Alecrim (B.Maxarang.) 1 x 1 Alecrim FC em Barra de Maxaranguape/RN

10.01.10 Potiguar-M 2 x 1 Nacional(Patos/PB) em Mossoró/RN

10.01.10 Corintians 2 x 3 Treze/PB em Caicó

10.01.10 Potyguar-CN 1 x 2 Santa Cruz/RN em Currais Novos

10.01.10 ASSU 3 x 2 Atletico(Cajazeiras/PB) em Açu/RN

12.10.10 Potyguar-CN 0 x 0 Nacional(Patos/PB) em Currais Novos

12.01.10 ABC 5 x 0 Auto Esporte/PB em Natal

12.01.10 América 2 x 1 Botafogo/PB em Natal

13.01.10 Treze/PB 1 x 0 Corintians em Campina Grande/PB

13.01.10 Santa Cruz 2 x 1 Campinense/PB em Santa Cruz do Inharé/RN

13.01.10 Seleção do Baraúna/RN 0 x 4 ASSU em Baraúna/RN

16.01.10 Corintians 1 x 0 Atlético(Cajazeiras/PB) em Caicó

16.01.10 Campinense/PB 1 x 0 Santa Cruz em Campina Grande/PB

17.01.10 Nacional(Patos) 3 x 2 Potiguar-M em Patos/PB

17.01.10 Centenário-PF 5 x 1 Sel.Pau dos Ferros/RN em Pau dos Ferros/RN

17.01.10 ABC 0 x 0 Treze/PB em Natal

17.01.10 Potyguar-CN 3 x 1 Esporte de Patos/PB em Currais Novos

17.01.10 ASSU 2 x 1 Sousa/PB em Açu/RN

17.0.110 Baraúnas 3 x 1 Seleção de Baraúna/RN em Mossoró

17.01.10 Botafogo/PB 4 x 2 América de Natal em João Pessoa/PB

19.01.10 América 4 x 1 Alto do Rodrigues em Parnamirim

01.05.10 ABC 1 x 0 América em Natal

16.05.10 ABC 4 x 1 AGOOV Holanda em Natal

20.05.10 ABC 2 x 1 Boca Jrs( Argentina) em Natal

07.07.10 União 1 x 2 Alecrim em Goianinha/RN

07.07.10 Potiguar-M 2 x 0 Ferroviário/CE em Mossoró

24.07.10 ABC 1 x 1 Botafogo/PB em Natal

08.08.10 Seleção de Arês/RN 0 x 1 Alecrim em Arês/RN

16.08.10 Potiguar-P 0 x 1 Alecrim em Parnamirim

02.10.10 ABC 2 x 1 Atlético Potengi/RN em Natal

09.10.10 ABC 7 x 0 Visão Celeste/RN em Natal

23.10.10 Centenário-P 4 x 1 Nacional(Patos/PB) em Parelhas

12.12.10 Sel.Marcelino Vieira 2 x 3 Baraúnas em Marcelino Vieira/RN

21.12.10 Baraunas 1 x 4 Tiradentes/CE em Mossoro

30.12.10 Ferroviário/CE 1 x 1 Baraúnas em Fortaleza

obs: se o leitor souber de outros jogos não incluso nesta lista, pedimos que informe.

Faleiro Futebol Clube – Rio de Janeiro (RJ): Dois anos sem conjugar o verbo ‘perder’

O Faleiro Futebol Clube foi uma agremiação da cidade do Rio de Janeiro (RJ). Foi Fundado no dia 10 de Outubro de 1926, por um grupo de abnegados desportistas residentes à Rua Faleiros, no Largo dos Pilares e tendo a frente a figura do Sr. Alfredo Antonio Parara, surgiu uma “pelada” que recebeu ao batismo o nome de Faleiros Football Club, sendo escolhida as cores vermelha e branca para representá-lo.

Logo no início, criaram um lema: “Quem vestir a camisa do Faleiro, terá que lutar até a morte“.

Jogadores que atuaram na Europa

Um dos maiores orgulhos do Faleiro, aconteceu em 1949 a 1951, Nelson Garcia e Waldemar Garcia, dois irmãos que atuavam em suas fileiras, estiveram na Europa onde brilharam defendendo as cores do Vila Nova Famalicão Futebol Clube, de Portugal.

Além desses dois, outros atletas se destacaram no Manufatura Nacional de Porcelana Futebol Clube: Bidu, Coca, Wilson, Nêgo, Sargento Osmar e Mesquita, na década de 50.

Entre 1949 a 1951, o Faleiro não perdeu para ninguém

A campanha invicta do Faleiro no período de 1949 a 1951, foi das mais brilhantes tendo disputado 74 partidas, com 66 vitórias e oito empates; consignando 296 gols pró (média de 4 gols por jogo), 36 tentos contra (0,5 gol por partida) e um saldo positivo de 260. Um aproveitamento de 94,6%.

Campeão Torneio Suburbano de 1948

Até 1952, o principal título significativo do grêmio alvirrubro Faleirense, aconteceu em maio de 1948, ao levantar a taça do “Torneio Suburbano“, sendo campeão de Inhaúma, promovido pelo confrades do jornal “Correio da Manhã“.

Amistosos importantes

No domingo, do dia 02 de Julho de 1950, o Faleiro enfrentou amistosamente com o Ceres Futebol Clube, no campo da Rua Chita, em Bangu, na zona oeste do Rio.

Em 18 de setembro de 1955, excursionou a Cataguases (MG), onde enfrentou o Operário Futebol Clube. E, em 15 de novembro de 1955, se deslocou até Volta Redonda (RJ), onde jogou contra o Guarani Futebol Clube. Infelizmente não foi encontrado o resultado dessa peleja.

 Praça de Esportes inaugurado

Na tarde de domingo, do dia 1º de Junho de 1952, foi inaugurado a sua Praça de Esportes, na Rua José dos Reis, nº 774, no Bairro do Engenho de Dentro, com uma partida amistosa, às 16 horas, entre o Faleiro e o Esporte Clube A Manhã (composto por funcionários do Jornal A Manhã). No final, o veículo de comunicação venceu pelo placar de 3 a 1, e ficou com o Troféu, oferecido pelo ‘Casa Nair’. Na preliminar, o Milionários  de Pilares venceu o Guanabara F.C. por 2 a 1

A Manhã: China (Alfredo); Adelino e M. Brandão; Biguá, Manoel e Cláudio; Osvaldinho, Pernambuco, Bidinho e Sestado.

Faleiro: Carlinhos; Artur e Paulinho; Valtinho, Alemão e Bibi; Arubinha (Luiz), Valdemar, Sedeque, Adolfo e Alcides.

Após a partida a diretoria do Faleiros homenageou a imprensa e os clubes co-irmãos, oferecendo um pedaço de bolo de aniversário carinhosamente confeccionado e servido pela gentilíssima senhorita Maria José Gomes dos Santos, presidente do Departamento Feminino do clube aniversariante

Por meio da Lei nº 24, na quinta-feira, do dia 15 de Dezembro de 1960, assinado pelo presidente da Assembléia Legislativa do Estado da Guanabara, José Bonifácio Diniz de Andrada, o Faleiro Futebol Clube foi considerado de Utilidade Pública.

FONTES: A Manhã (RJ) – Jornal dos Sports – Diário da Noite (RJ)

Clubes da Liga de Desportos de Areia Branca

1- Areia Branca FC 2 – Nova União FC 3 -Botafogo FC
4 – Ponta do Mel EC 5 – São Cristovao FC 6 – Skinão FC
7 – União Sõa João FC 8 – Somoban FC 9 – Upanema FC
10 – Cohab AC 11 – Arraial FC 12 – Cruzeiro EC

O Areai Branca FC foi o único clube da cidade de Areia Branca que se profissionalizou e disputou o Campeonato Estadual Potiguar em 1994 e 1998.

As paralisações nos 100 anos do Campeonato Potiguar

Em 1918 se disputava oficialmente o primeiro Campeonato Potiguar, pouco depois da criação da Liga de Desportos Terrestres. O campeonato estava sendo disputado por ABC, América e Centro Esportivo e quando se faltava apenas um jogo para a conclusão, com a equipe do Centro Esportivo líder da competição, surgiu a paralisação. A Pandemia de gripe espanhola que assolava mundo afora, interrompeu a realização do certame. À época, os governantes em reuniões públicas por intermédio do Governador do Rio Grande, Joaquim Ferreira Chaves, determinou o fechar temporariamente aulas nos colegios, cinemas, teatros, missas, futebol e todas as aglomerações no Estado. A Liga cancelou o campeonato e não houve campeão.

Em 1936, após a conclusão do 1º turno e o ABC venceu com vitórias sobre América, Santa Cruz e Sport todos de Natal. Por divergências politicas entre dirigentes de ABC, América e Liga o campeonato foi paralisado. O 2º turno não foi realizado e o ABC entrou em uma excursão a Mossoró e outra para Recife para jogar contra o Náutico, América-PE e Santa Cruz-PE. Este campeonato nunca foi homologado pela Liga, entretanto o ABC ficou com o título de 1936 na sua galeria de títulos. Como a imprensa esportiva da época era muito limitada nada foi publicado oficioso sobre esta definição, além da não homologação pela Liga.

Em 1942 o campeonato também foi paralisado, inicialmente a entidade esportiva sofreu intervenção da CBD quando o campeonato rolava no 1º turno e já havia sido realizado onze partidas entre os sete clubes participantes. Na paralisação, o Santa Cruz liderava com 6 pontos, seguido de Alecrim 5, ABC e América 4, Paissandu 3 pontos, Atlético 2 e Força e Luz sem ponto. A Associação Riograndense de Atletismo (ARA), foi extinta e surgiu neste ano a Federação Norte riograndense de Desportos (FND), que teve o Capitão Porphirio como presidente e que por sua decisão suspendeu as atividades desta vez em virtude da guerra mundial e a cidade do Natal teve a sua inclusão em virtude da instalação da base militar americana. Os jogos realizados foram todos anulados e não teve campeão.

Em 1949, o campeonato estava previsto para iniciar em maio, porém as diferenças de clubes como ABC, Juventus, Santa Cruz de Natal, Potiguar que não que não aceitavam a presidência a federação pelo conhecido americano Ruy Barreto de Paiva. Este fez uma auditoria nos fichários da entidade e constatou que a maioria dos clubes estavam com vários jogadores irregulares, cassou as inscrições e suspendeu por um ano os clubes entre eles o ABC . Após graves desentendimentos a entidade esportiva sofreu intervenção da CBD e novas eleições foram realizadas. Assumiu Carlos Bezerra Miranda em meados de agosto. O novo dirigente convocou os clubes para realização de um novo torneio que iniciou em 18 de setembro e foi concluído em 22 de dezembro e que por falta de datas ficou definido que o campeonato teria somente um turno com as oito equipes jogando todas entre si. O América venceu as seis partidas e empatou um, sagrando campeão invicto de 1949.

Em 2020, na 100º edição do Campeonato Potiguar, a história se repete e uma nova pandemia mundial, desta vez do Covid-19, o popular Corona Virus, todos os campeonatos são suspensos e do Rio Grande não foi diferente. Foi disputado o primeiro turno e vencido pelo ABC de forma invicta. O segundo estava na quarta rodada das sete previstas, tendo o América alguns jogos atrasados, e o ABC se encontrava disparado novamente na liderança. Tudo esta indefinido. Novos tempos em que um presidente da entidade não é tão soberano para bater um martelo para cancelar ou indicar um campeão sem conclusão. Se não vier uma decisão que atenda a todos o campeonato pode a vir terminar nos tribunais. Aguardemos o destino do campeonato nesta quarta paralisação em 100 anos de campeonato.

S.E. Junak 8 – Irati/PR

Arte de Sergio Mello /históriadofutebol.com

A Sociedade Esportiva Junak 8 foi uma agremiação esportiva da cidade de Irati, estado do Paraná. A Equipe era ligada a Sociedade Polonesa Towarzystwo Wolnosc, fundada em 1916, hoje Sociedade Beneficente e Cultural Iratiense.

O JUNAK espalhou-se por outras sociedades também no interior. Em Irati o JUNAK 8 teve time de vôlei e basquete e foi o primeiro espaço em que se praticaram estas modalidades esportivas. O atletas do lado direito é o patriarca da família Ziembikiewicz, Sr. João, pai do Recho (João Ricardo Ziembikiewicz). Foto acervo da Sra. Maria Felícia Ziembikiewicz Havresko. Aproximadamente na década de 1930. Fonte: Facebook de Herculano Batista Neto, publicado em 30 de abril de 2016.

A Junak foi responsável pela introdução do Basquete e Volei na cidade de Irati, porém seus membros se envolviam em todas as atividades esportiva, sendo assim não poderia deixar de praticar o futebol.

Foto/Acervo: HERCULANO BATISTA NETO que inclusive esclarece que o penúltimo da esquerda para a direita é seu avô materno Boleslau Duda. Publicado no Facebook em 28 de abril de 2016.

Em 1937 a equipe, juntamente as equipes do Iraty S.C.; Palestra F.C, ambos de Irati, Guarany S.C. e Poço Bonito F.C, ambos de Rebouças, reorganizaram a Liga Esportiva Sul-Paranaense – LESP. Todas as equipes participaram do campeonato daquele ano, que teve o Iraty Sport Club como seu campeão, que assim garantiu o direito de disputar o título de campeão Paranaense de futebol contra os demais campeões das Ligas do Paraná (Curitiba, Ponta Grossa, Litoral e Paranaguá).

Fontes:
ORREDA, José Maria. O esporte em Irati. Edipar: Irati,1987.
Facebook de Herculano Batista Neto, consultado em 24 de março de 2020.
Facebook de Antonio Alceu Jacopetti, consultado em 24 de março de 2020.

O dia em que Mixto e Operário fizeram clássico no presídio

No dia 07 de setembro de 1981 aconteceu um fato inusitado no futebol de Mato Grosso. A pedido dos diretores da Penitenciária de Cuiabá e dos presidiários, Mixto e Operário realizaram um amistoso no “Casão”. O resultado foi 2 x 0 para o Mixto, que recebeu o troféu João Torres, entregue pelo Secretário Municipal de Educação e Cultura, professor Francisco Monteiro.

Fonte: Jornal O Dia