LIBERTAD – PARAGUAI EM MINAS GERAIS – 1946

O então campeão paraguaio de 1945  excursionou pelo Brasil entre dezembro de 1945 e janeiro de 1946.

Em Minas Gerais, realizou quatro partidas:
 
CRUZEIRO 2×2 LIBERTAD
03/01/1946– Amistoso
Belo Horizonte-MG
Estádio: Barro Preto (Cruzeiro)
Renda: Cr$ 33.000,00
Árbitro: Rubens Hei.
Cruzeiro: Geraldo II; Bibi e Bituca; Adelino, Hemeterio e Juvenal; Nogueira, Selado, Levi (Orlando), Ismael e Braga. Técnico: Francisco Trindad.
Libertad: Vargas; Gonzalez e Vega; Cavillon, Leguizamon e Ocampo (Meaweo); Salinas (Castillo), Esquivel (Diaz), Arevallo (Espínola), Sosa (Patino) e Roa. Técnico: Teófilo Espínola.
Gols: Ismael e Braga; Diaz e Espínola
 
AMÉRICA-MG 0x3 LIBERTAD
06/01/1946– Amistoso
Belo Horizonte-MG
Estádio: Barro Preto (Cruzeiro)
Renda: Cr$ 29.000,00
Árbitro: Willer Costa.
América: Rui; Carioca e Wilson (Gregório); Didi, Melo e Carlinhos; Valinho, Bahiano (Carlos Alberto), Gabardinho, Alfredinho e Silvério. Técnico: Ricardo Diez.
Libertad: Vargas; Gonzalez e Vega; Cavillon (Benitez), Leguizamon (José Ocampo) e Fernandez; Esquivel, Diaz, Espínola, Patino (Sosa) e Roa. Técnico: Teófilo Espínola.
Gols: Esquivelk (2) e Espínola.
 
ATLÉTICO-MG 2×0 LIBERTAD
08/01/1946– Amistoso
Belo Horizonte-MG
Estádio: Lourdes (Atlético-MG)
Renda: Cr$ 60.000,00
Árbitro: Willer Costa.
Atlético: Kafunga (Orlando); Murilo e Ramos; Cafifa, Afonso e Silva; Lucas, Baztarrica, Xavier, Lero e Resende (Nívio). Técnico: Campeão.
Libertad: Vargas; Gonzalez e Vega; Cavillon, Leguizamon e Fernandez (Diaz); Esquivel, Arevallo (Patino), Sosa (Alvarez) e Roa (Espínola). Técnico: Teófilo Espínola.
Gols: Xavier 36’e Nívio 77’.
 
UBERABA 1×3 LIBERTAD
27/01/1946– Amistoso
Uberaba – MG
Estádio: Boulanger Pucci
Renda: Cr$25.000,00
Árbitro: Eduardo Carron (Paraguai)
Uberaba: Veríssimo, Botelho e Nenzinho; Mexicano, Ferreira e Carnaval; Anísio (Ditinho), Adão (Netinho) (Antero), Cabelo, Otacílio e Barros.
Libertad: Vargas, Gonzalez e Buzan; Cavillon, Meaurio (Leguizamon) e Fernandez; Esquivel (Salinas), Diaz, Arevalos, Patino e Alvarez. Técnico: Teófilo Espínola.
Gols: Cabelo 25’; Patino 14’, Arevalos 57’e Esquivel 70’.

Cordiali saluti

Claudio

Compartilhe...
Este post foi publicado em 30. Claudio Freati, História do Futebol, Jogos Amistosos Internacionais, Minas Gerais em por .

Sobre Claudio Freati

gosto de escrever sobre curiosidades dos clubes menores enfrentando os grandes, com resultados, súmulas, goleadas, competições esquecidas, comparações, etc. Meu bisavô fundou o Yale, meu avô o Villa do Carmo de Barbacena e eu sou Atleticano. Minha linhagem italiana não me permitiu torcer pelo Palestra pois tenho 39 anos e na minha infância o galo era meia seleção de 81/82 ao lado do Flamengo, mas tenho respeito pelas histórias dos clubes e um pouco menos pelas opiniões de torcedores. Estou escrevendo muito sobre o Sete e Siderúrgica. Tenho um bom acervo de anotações de Villa, Atlético, América, Sete, Siderúrgica, times de Barbacena e Cruzeiro (tabela em excel), exceto o Almanaque do Cruzeiro, inclusive trabalho arquivos para o Carlos Paiva (América) e Wagner Augusto (Villa), tentando contribuir com sua obra, onde já os entreguei várias pérolas para suas próximas edições e tenho muito bom acesso, sempre que posso, à Hemeroteca de BH.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *