Arquivo da categoria: Amapá

Clubes do Amapá – Associação 13 de Setembro Esporte Clube

Nome:        Associação  13 de Setembro esporte Clube Cidade:       Macapá – AP Cores:         vermelho – preto – branco Agradecimento a Arquivos do Copão da Amazonia e José Jorge Farah (pelo redesenho do escudo)

Foto Rara, de 1982: Amapá Clube – Macapá (AP)

Amapá Clube é um clube brasileiro de futebol da cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. Suas cores são preto e branco.

O Amapá foi fundado no dia 23 de fevereiro de 1944, em reunião ocorrida em residência situada em frente ao primeiro prédio da Prefeitura Municipal de Macapá, hoje servindo à Secretaria Especial de Defesa Social. É o mais antigo clube de futebol do Amapá.

Foram fundadores do Amapá: Eloy Nunes Monteiro, Francisco Serrano, Pauxy Gentil Nunes, Newton Cardoso, Jose Serafim Coelho, João Vieira de Assis, Glicério de Souza Marques, Raimundo Nonato Araújo Filho, Raimundo de Campos Monteiro e Zoilo Pereira Córdoba. O governador do Estado na época, Janary Gentil, participou da reunião de fundação do clube, mas não assinou a ata de fundação, pois tivera que ausentar-se antes do término da reunião.

As primeiras partidas do Amapá ocorreram no campo da Praça da Matriz, atual espaço da Praça Veiga Cabral. Logo em seu primeiro ano de fundação, participou do Campeonato Amapaense. Porém, seria campeão somente no ano seguinte, sobre o Macapá.

Em 1959, disputou um torneio amistoso na cidade de Caiena, retornando à Macapá com o troféu da competição. Em três partidas realizadas na Guiana, o Amapá venceu duas e empatou uma.

FONTES: Acervo: Ex-jogador Finé – Página no Facebook: “História do Futebol Amapaense”

Fotos Raras, nas cores vermelha, azul e branca de 1985: Seleção Amapaense de futebol

A Federação Amapaense de Futebol (FAF), foi fundada no dia 26 de junho de 1945, porém o inicio do campeonato do Território do Amapá aconteceu no ano anterior a fundação. Em 1950, no mês de Janeiro foi inaugurado o Estádio Municipal de Macapá, modificado depois para homenagear o primeiro presidente da Federação de Desportos do Amapá, Glicério Marques. Foi obra do governador do então Território Federal do Amapá, capitão Janari Gentil Nunes. Assim, os jogos do campeonato passaram a ser disputados no novo palco. O campo da Matriz cumprira a sua missão. No primeiro ano de “Glicerão” (1950), o Amapá Clube foi campeão.

 

A inauguração do estádio Municipal, depois chamado de estádio Glicério Marques, ocorreu no dia 15 de janeiro de 1950, na partida Seleção do Amapá 0 x 1 Seleção do Pará, com gol de Norman. Pelo Pará jogaram: Dodó (goleiro), Bereco, Sidoca, Sabá, Nonato, Biroba, Juvenil, China, Hélio, Teixeirinha e Norman (Cacetão). Treinador: Nagib Coelho Matni. Pelo Amapá: Lavareda, 75, Suzete, Cabral, Roxinho, Raimundinho, Luiz Melo, Dedeco, Alves, Adãozinho e Boró. Treinador: Delbanor Dias.

De 1944 a 1990, o futebol era disputado de forma amadora e o campeão detinha o título de campeão do Território Federal do Amapá. Somente em 1991 o futebol passou para o profissionalismo.

 

YPIRANGA CLUBE

 

Fruto do idealismo dos jovens integrantes da extinta e saudosa Juventude Oratoriana do Trem (JOT), movimento que pertencia à Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, surgia em 15 de maio de 1963 no desporto Amapaense, o glorioso YPIRANGA CLUBE. Como cores oficiais o Clube ostenta a azul e preto, por influência e preposição do Padre Vitório Galliani, as mesmas cores da Internacional de Milão, seu clube de coração na Itália. A figura da “Torre” da Igreja de Nossa Senhora da Conceição no Bairro do Trem é o principal símbolo do Clube, razão porque é chamado pelos torcedores de Clube da Torre.

 

A coruja branca é o mascote do Ypiranga Clube que costuma habitar as torres (principal símbolo do Negro-Anil) das igrejas. A torre que está representada no escudo do clube é da igreja Nossa Senhora da Conceição, padroeira do Ypiranga.

TÍTULOS

 

Campeão Amapaense: *1976, 1992, 1994, 1997, 1999, 2002, 2003 e 2004. (*Campeão Amador)

 

SOCIEDADE ESPORTIVA E RECREATIVA SÃO JOSÉ

 

A Sociedade Esportiva e Recreativa São José, tricolor do bairro do Laguinho, é um clube esportivo da cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. Fundado no dia 26 de agosto de 1946, é um dos principais clubes de futebol da terra amapaense, obtendo 6 troféus estaduais. Seu mascote é o bravo pitbull.

 

O clube foi fundado por Messias do Espírito Santo, um Oficial de Justiça do Fórum de Macapá, capital do então Território Federal do Amapá – TFA, hoje, estado da Federação Brasileira. O objetivo era participar oficialmente do esporte regional, tendo em 1947 participado do futebol e depois do voleibol.

O clube que surgiu eminentemente de uma classe pobre da população seu fundador, Messias do Espírito Santo, ao escolher o nome do clube como o mesmo do padroeiro da cidade conseguiu rapidamente a simpatia da maioria dos torcedores do longínquo povoado da cidade de Macapá. O clube é carinhosamente denominado de “O mais querido do Estado do Amapá”. Lembrando também que a sede o São José era fora do bairro, situada na Avenida Presidente Vargas com a Rua Leopoldo Machado, após alguns anos foi transferida para o bairro moreno da cidade, onde as primeiras equipes do São José eram todas formadas quase que na sua totalidade por atletas de cor negra.

 

Os primeiros títulos do tricolor vieram somente em 1970 e 1971, ainda na época amadora do futebol amapaense, em que o clube que possuía o domínio era o Macapá.

 

Em 1991 houve a implantação do profissionalismo no futebol amapaense, começando uma nova era no estado. Em 1993 conquistou o título de campeão amapaense.

 

Após 12 anos sem ganhar nenhum troféu, o São José acabou sendo campeão em 2005 em cima do Amapá. No ano posterior conseguiu novamente o campeonato estadual em cima do Amapá nos pênaltis. Voltou a conquistar o estadual em 2009, quando bateu o Santana na final disputada no estádio Glicério Marques.

Títulos

 

SANTOS FUTEBOL CLUBE/AP

 

Santos Futebol Clube é originário de  Macapá, capital do estado do Amapá. Suas cores são preto e branco. Foi fundado em 11 de maio de 1973.  É conhecido sob a alcunha de Peixe da Amazônia, cujo seu mascote também é o peixe, originário da amazônia brasileira.

 

Considerado o maior time do estado atualmente, o clube é  bicampeão amapaense na temporada 2013 e 2014, neste ano foi capeão invicto, ganhando os dois turnos, com uma campanha de 7 vitórias e 1 Empate em 8 jogos disputados.  O Santos é clube a ser batido.

Títulos

 

  • Campeonato Amapaense, Vice-campeão: 2011.

 

  • Campeonato Amapaense 2ª Divisão: 2007.

SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE DO AMAPÁ

 

São Paulo Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol, da cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. O Clube é conhecido como furacão da zona norte, seu mascote é o São Paulo. Suas cores são vermelho, preto e o branco.

 

Fundado no início de fevereiro de 1988, portanto com 27 anos, o clube  tem um um futuro promissor. É  o atual vice campeão amapaense de futebol.

Títulos

  • Vice-Campeonato Amapaense 2ª Divisão: 2007.

 

  • Vice-Campeonato  Amapaense 1ª Divisão: 2014.

ESPORTE CLUBE MACAPÁ

 

Esporte Clube Macapá é uma agremiação esportiva brasileira sediada na cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. Teve grande destaque no futebol amapaense na sua fase amadora, onde conquistou 17 campeonatos, até hoje não superados no campeonato estadual. Suas cores são azul e o branco, seu mascote é o leão. O clube também é conhecido como o Leão Azulino da avenida Fab.

 

O Macapá foi fundado no dia 18 de novembro de 1944, originado a partir do extinto clube Panair Esporte Clube, de Macapá, o qual  havia sido campeão estadual em 1944. Em 1946, mudou de nome para o atual: Esporte Clube Macapá.

 

O clube foi o primeiro campeão do Copão da Amazônia em 1975 ano de criação do torneio conhecido como  Copão Amazônia ou Torneio Integração da Amazônia onde clubes dos estados poderiam disputar uma competição oficial, além dos seus respectivos campeonatos estaduais. Por ter sido campeão amapaense de 1974 o Macapá foi o primeiro representante do Estado no referido torneio.

Títulos

  • Torneio Integração da Amazônia: 1975.

 

  • Vice-Campeonato Amapaense: 1994 e 2013

 

  • Vice-Campeonato Amapaense 2ª Divisão: 2005.

SANTANA ESPORTE CLUBE

 

Santana Esporte Clube é um clube brasileiro de futebol da cidade de Santana, no estado do Amapá. Fundado em 1955, tem como suas cores o amarelo e o preto. O clube é conhecido como Canarinho Milionário, seu mascote é o canário.

 

Fundado por Roberto Maqueles Correia, notável da sociedade local, o time começou a se desenvolver, disputando amistosos enquanto acertava o plantel e a sua estrutura. Disputou o primeiro estadual em 1957, não conseguindo sucesso, campanha semelhante à do ano seguinte. o time com brilhantismo, faturou os estaduais de 1960, 61 e 62.

Títulos

 

INDEPENDENTE ESPORTE CLUBE

 

Independente Esporte Clube é um clube brasileiro de futebol, da cidade de Santana, no estado do Amapá. Suas cores são verde e branco. O clube é conhecido sob a alcunha de carcará uma especie de gavião do norte que também é seu mascote de origem.

 

Devido a problemas de acessibilidade, o clube não disputava o estadual desde 2014, junto com as outras equipes profissionais não-macapaenses, o Aliança e o Mazagão. Em 2007, o Independente voltou a disputar o Campeonato Amapaense, após três anos longe das atividades.

Títulos

 

  • Vice-Campeonato Amapaense: 2 vezes (2002 e 2003).

 

  • Vice-Campeonato Amapaense 2ª Divisão : 1964.

TREM DESPORTIVO CLUBE

 

Trem Desportivo Clube é uma agremiação esportiva brasileira, sediada na cidade de Macapá, capital do estado do Amapá, destacando-se no futebol. Suas cores são  vermelho e o preto. O clube é conhecido como Locomotiva do bairro do trem. Seu mascote é o pequeno maquinista.

 

O clube foi fundado em 1 de janeiro de 1947, sendo seus principais fundadores os ferroviários Bellarmino Paraense de Barros, Benedito Malcher, os irmãos Osmar e Arthur Marinho, Walter e José Banhos, além de outros. Tendo sua sede situada num dos mais importantes bairros de Macapá, o Trem Desportivo Clube já foi por duas vezes campeão amapaense. Possui um invejável histórico no velho Copão da Amazônia. Foi pentacampeão de 1985 a 1989.

 

O diferenciado nome do clube nada mais é do que uma homenagem ao bairro onde foi fundado e a profissão exercida por seus fundadores, todos eles ferroviários. Este, por sua vez , recebeu o nome no início do século XIX. Naquela época, foram encontrados na Avenida Feliciano Coelho de Carvalho vestígios de alguns trilhos de trem, que possivelmente serviram como meio de transporte do material para a construção da cidade.

Títulos

 

  • Vice-Campeonato Amapaense: 1992.

ORATÓRIO RECREATIVO CLUBE

 

Oratório Recreativo Clube é um clube brasileiro de futebol da cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. Suas cores são azul e o branco. Seu mascote é uma orca, daí surgiu o apelido  orca demolidora do bairro santa rita.

 

O clube foi fundado em 15 de agosto de 1969 por um grupo de jovens comandados por Odoval Moraes, da comunidade religiosa da Igreja de Nossa Senhora de Fátima, no antigo bairro da Cea (hoje Santa Rita). Seu primeiro titulo na era profissional veio no ano de 2012 com uma brilhante campanha, demolindo todos os adversários que vinham pela frente.

 

O Oratório foi o primeiro clube do Amapá a participar da Copa São Paulo de Futebol Junior, em 2001, participando, também, em 2011 e 2012. Por ser de origem católica no passado, os atletas para jogarem pelo clube eram obrigados a assistir missa, caso contrário não jogavam. Prática que perdurou por longos anos. Os padres Salvador e Raimundo foram os principais incentivadores para a criação do clube. O Oratório ficou fora das competições de 2001 a 2009 por opção de seus conselheiros.

Títulos

 

Campeonato Amapaense: 1 (2012)

Categorias de Base

  • Sub-13: 2011

 

  • Sub-15: 2009

 

  • Sub-20: 2011

 

  • Sub-18: 2010

 

  • Estadual Feminino: 2009-2010-2011

FONTES:  História do Futebol Amapaense – Federação Amapaense de Futebol

Escudo e uniforme de 1960: CEA Clube – Macapá (AP)

O CEA (Companhia de Eletricidade do Amapá) Clube foi uma agremiação da cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. Fundado no domingo, do dia 1º de Junho de 1958, por iniciativa de operários envolvidos na construção da Usina Hidrelétrica Coaracy Nunes, manteve um dos clubes mais expressivos do Amapá no período da década de 1950 a 1960.

Importante fazer um esclarecimento. O escudo foi inspirado na logomarca da Companhia de Eletricidade do Amapá. E as cores da mesma, é o azul, vermelho e branco. Não há como descartar a informação que tínhamos antes de que, ao invés do azul, era o preto. Afinal, há diversas possibilidades.

Porém, tive o depoimento do internauta Cleo Araujo, que trabalhou 12 anos na empresa e afirmou que o time utilizava as cores azul, vermelha e branca. Também agradecimentos ao membro Felipe Feitosa que indicou a Página do Facebook “História do Futebol Amapaense” e ao “Copão da Amazônia“.

EM PÉ (esquerda para a direita): Guilherme, Carlos, Faustino, Armando, Cadico e Domingos.

AGACHADOS (esquerda para a direita): Maximino, Diquinho, Jangito, Perereca e Joãozinho.

 

FONTES: Cléo Araujo – Página do Facebook “História do Futebol Amapaense” – “Copão da Amazônia” – Porta-Retrato – Macapá/ Amapá de Outrora

FOTO: Acervo de Riberto Pontes

Escudos do fim de 70 e início dos anos 80: Trem Desportivo Clube – Macapá (AP)

Modelo da década de 70

Trem Desportivo Clube é uma agremiação esportiva brasileira, sediada na cidade de Macapá, capital do estado do Amapá, destacando-se no futebol. O clube foi fundado em 1 de janeiro de 1947, sendo seus principais fundadores os ferroviários Bellarmino Paraense de Barros, Benedito Malcher, os irmãos Osmar e Arthur Marinho, Walter e José Banhos, além de outros.

Tendo sua sede situada num dos mais importantes bairros de Macapá, o Trem Desportivo Clube jáfoi por duas vezes campeão amapaense. Possui um invejável histórico no velho Copão da Amazônia. Foi pentacampeão de 1985 a 1989.

O diferenciado nome do clube nada mais é do que uma homenagem ao bairro onde foi fundado e a profissão exercida por seus fundadores, todos eles ferroviários. Este, por sua vez , recebeu o nome no início do século XIX. Naquela época, foram encontrados na Avenida Feliciano Coelho de Carvalho vestígios de alguns trilhos de trem, que possivelmente serviram como meio de transporte do material para a construção da cidade.

O Trem já foi por 5 vezes campeão amapaense e possui um ótimo histórico na antiga Torneio da Integração da Amazônia ou Copão da Amazônia, onde o time foi pentacampeão de 1985 a 1990. O Torneio Integração da Amazônia foi uma das antigas competições regionais disputadas no Brasil. Era composto por participantes dos estados do AcreAmapáRondônia e Roraima. O Trem é o clube que mais vezes foi campeão entre todos os Estados com 5 títulos e em segundo lugar o Rio Branco-AC com 3.

No profissionalismo, o Trem passou a enfrentar diversas dificuldades. Afastado de 1994 a 1999, o clube ensaiou a possibilidade do seu retorno ao futebol profissional em 2001, mas preferiu esperar um pouco mais e continuou trabalhando no seu projeto de restauração do clube.

Atualmente, o clube do Trem é o mais bem estruturado do estado do Amapá. Em um acordo com o governo do Estado, restaurou o seu ginásio poliesportivo, que além da quadra para a prática de esportes, possui dormitório para os atletas. A sede campestre também sofreu reformas e está em condições para uso. É nela que os jogadores de futebol do clube treinam, quando estão em atividade. No ano de 2011, a “Locomotiva” pretende inaugurar o seu estádio e assim se tornar o único clube do Amapá com estádio próprio.

No ano de 2007, o Trem conseguiu sagrar-se campeão estadual profissional, depois de mais de 20 anos sem levantar a taça e em 2010 tornou-se bi-campeão do campeonato profissional vencendo os dois turnos sob o comando da presidente Socorro Marinho e do técnico Roberto Foguetinho. Em 2011, a Locomotiva levantou mais um caneco tornando-se tricampeã do futebol profissional amapaense novamente com Socorro Marinho e com o técnico Fran Costa.

Socorro Marinho tem adotado uma política de valorização das categorias de base para que os jogadores formados no Trem sejam aproveitados no profissional, além de priorizar contratações de jogadores que residam no Estado do Amapá.

HINO DO TREM DESPORTIVO CLUBE

O brilhar de cincos estrelas rubro negras altaneiras
Contam glórias do poderoso Trem
Revela a alegria, a paixão incontida
E excita o meu coração
Trem expresso poderoso
Por trilho vigoroso
Construistes tua escolha
Trem bala que atropela adversários
Na quadra ou no gramado é sempre vencedor
Trem dos bailes de salão
O som de uma orquestra anima o folião
Não é somente um time
És um clube vibrante e poderoso
Maior dos maiorias
Trem tu és meu o enredo
Tu és meu o apego
Tu és minha paixão
Quando fechar meus olhos
Direi ao criador
“Com sua licença,
Sou rubro negro amapaense
Com muito amor”.

Link para escutar o Hino: https://www.youtube.com/watch?v=v7O6Xphj1V8

 

  • Copa do Brasil:
  • 1993 (primeira fase: Trem 0 x 5 Remo-PA/ Remo-PA 2 x 0 Trem) – Colocação final: 31º colocado (32 clubes);
  • 2008 (primeira fase: Trem 0 x 0 Paraná/ Paraná 4 x 0 Trem) – Colocação final: 50º clocado (64 clubes);
  • 2011 (primeira fase: Trem 2 x 1 Náutico-PE/ Náutico-PE 6 x 0 Trem) Colocação final: 40º clocado (64 clubes);
  • 2012 (primeira fase: Trem 0 x 5 ABC). Colocação final: 63º colocado (64 clubes);
  • Campeonato Brasileiro Série C:
  • 2004 (primeira fase: Roraima 1 x 1 Trem/ Trem 0 x 0 Roraima – segunda fase: Trem 0 x 1 G. Coariense – AM/ G. Coariense – AM 3 x 2 Trem) – Colocação final: 31º colocado (60 clubes).
  • Campeonato Brasileiro Série D:
  • 2011 (primeira faseTrem 2 x 1 Independente-PA/ Sampaio Corrêa-MA 5 x 0 TremTrem 2 x 0 São Raimundo/ Comercial-PI 1 x 0 TremTrem 1 x 1 Comercial/ São Raimundo-PA 2 x 2 TremTrem 1 x 0 Sampaio Corrêa-MA/ Independente-PA 1 x 0 Trem) – Colocação final: 23º colocado (40 clubes)
  • 2012.

Títulos

Estaduais

Outras Conquistas

Categorias de Base

  • No Sub-20 – campeão (2003, 2005,2006 e 2016) e vice-campeão (2007, 2011 e 2015).
  • No Sub-18 – campeão (2008) e vice-campeão (2009 e 2010).
  • No Sub-15 – campeão (2009).
  • No sub-13 – vice campeão (2011)
  • O Trem Desportivo Clube tem se apresentado nos últimos anos como o clube que tem a categoria de base mais forte do Estado do Amapá. De 2003 a 2011 a Locomotiva, no sub-18 e no sub-20, esteve presente em 8 finais e sagrou-se campeã 4 vezes.

FONTES: Wikipédia – Bola na Rede – Página do Clube no Facebook – Futebol Amapaense.ZipNet – YouTube – Blog Tribuna Amapaense

Foto Rara, de 1975: Seleção Amapaense de Futebol

Amistoso em 1975: Seleção Amapaense  1  x  1 Seleção Brasileira de Novos, no Estádio Municipal Glycério de Souza Marques, na cidade de Macapá (AP). Na ocasião, foi  inaugurado  o sistema de iluminação do estádio. O gol amapaense foi assinalado por Trevisani.

FONTE:  Blog Porta-Retrato – Macapá/Amapá de outrora

Fotos Raras, dos anos 60: Municipal Esporte Clube – Macapá (AP)

O Municipal Esporte Clube foi uma agremiação efêmera da cidade de Macapá (AP). A sua Sede ficava no Estádio Glycério Marques, localizado na Avenida Mendonça Júnior, s/n, no Centro da cidade.

Fundado na década de 60, por servidores da Prefeitura Municipal de Macapá, com a finalidade de jogar uma bola no final de semana.

Após o interesse de alguns clubes – entre eles o Sr. Zeca Machado, que era influente na PMM – resolveram filiar o clube à Federação Amapaense de Futebol (FAF), para disputar o Campeonato do Amapá.

 

FONTE:  Blog Porta-Retrato – Macapá/Amapá de outrora