Faleiro Futebol Clube – Rio de Janeiro (RJ): Dois anos sem conjugar o verbo ‘perder’

O Faleiro Futebol Clube foi uma agremiação da cidade do Rio de Janeiro (RJ). Foi Fundado no dia 10 de Outubro de 1926, por um grupo de abnegados desportistas residentes à Rua Faleiros, no Largo dos Pilares e tendo a frente a figura do Sr. Alfredo Antonio Parara, surgiu uma “pelada” que recebeu ao batismo o nome de Faleiros Football Club, sendo escolhida as cores vermelha e branca para representá-lo.

Logo no início, criaram um lema: “Quem vestir a camisa do Faleiro, terá que lutar até a morte“.

Jogadores que atuaram na Europa

Um dos maiores orgulhos do Faleiro, aconteceu em 1949 a 1951, Nelson Garcia e Waldemar Garcia, dois irmãos que atuavam em suas fileiras, estiveram na Europa onde brilharam defendendo as cores do Vila Nova Famalicão Futebol Clube, de Portugal.

Além desses dois, outros atletas se destacaram no Manufatura Nacional de Porcelana Futebol Clube: Bidu, Coca, Wilson, Nêgo, Sargento Osmar e Mesquita, na década de 50.

Entre 1949 a 1951, o Faleiro não perdeu para ninguém

A campanha invicta do Faleiro no período de 1949 a 1951, foi das mais brilhantes tendo disputado 74 partidas, com 66 vitórias e oito empates; consignando 296 gols pró (média de 4 gols por jogo), 36 tentos contra (0,5 gol por partida) e um saldo positivo de 260. Um aproveitamento de 94,6%.

Campeão Torneio Suburbano de 1948

Até 1952, o principal título significativo do grêmio alvirrubro Faleirense, aconteceu em maio de 1948, ao levantar a taça do “Torneio Suburbano“, sendo campeão de Inhaúma, promovido pelo confrades do jornal “Correio da Manhã“.

Amistosos importantes

No domingo, do dia 02 de Julho de 1950, o Faleiro enfrentou amistosamente com o Ceres Futebol Clube, no campo da Rua Chita, em Bangu, na zona oeste do Rio. A partida terminou empatada em 2 a 2.

Em 18 de setembro de 1955, excursionou a Cataguases (MG), onde enfrentou o Operário Futebol Clube. E, em 15 de novembro de 1955, se deslocou até Volta Redonda (RJ), onde jogou contra o Guarani Futebol Clube. Infelizmente não foi encontrado o resultado dessa peleja.

 Praça de Esportes inaugurado

Na tarde de domingo, do dia 1º de Junho de 1952, foi inaugurado a sua Praça de Esportes, na Rua José dos Reis, nº 774, no Bairro do Engenho de Dentro, com uma partida amistosa, às 16 horas, entre o Faleiro e o Esporte Clube A Manhã (composto por funcionários do Jornal A Manhã). No final, o veículo de comunicação venceu pelo placar de 3 a 1, e ficou com o Troféu, oferecido pelo ‘Casa Nair’. Na preliminar, o Milionários  de Pilares venceu o Guanabara F.C. por 2 a 1

A Manhã: China (Alfredo); Adelino e M. Brandão; Biguá, Manoel e Cláudio; Osvaldinho, Pernambuco, Bidinho e Sestado.

Faleiro: Carlinhos; Artur e Paulinho; Valtinho, Alemão e Bibi; Arubinha (Luiz), Valdemar, Sedeque, Adolfo e Alcides.

Após a partida a diretoria do Faleiros homenageou a imprensa e os clubes co-irmãos, oferecendo um pedaço de bolo de aniversário carinhosamente confeccionado e servido pela gentilíssima senhorita Maria José Gomes dos Santos, presidente do Departamento Feminino do clube aniversariante

Por meio da Lei nº 24, na quinta-feira, do dia 15 de Dezembro de 1960, assinado pelo presidente da Assembléia Legislativa do Estado da Guanabara, José Bonifácio Diniz de Andrada, o Faleiro Futebol Clube foi considerado de Utilidade Pública.

FONTES: A Manhã (RJ) – Jornal dos Sports – Diário da Noite (RJ)

Compartilhe...
Este post foi publicado em 01. Sérgio Mello, Carências, Curiosidades, Escudos, Fotos Históricas, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro (antigo Estado do RJ) em por .

Sobre Sérgio Mello

Sou jornalista, desde 2000, formado pela FACHA. Trabalhei na Rádio Record; Jornal O Fluminense (Niterói-RJ) e Jornal dos Sports (JS), no Rio de Janeiro-RJ. No JS cobri o esporte amador, passando pelo futebol de base, Campeonatos da Terceira e Segunda Divisões, chegando a ser o setorista do América, dos quatro grandes do Rio, Seleção Brasileira. Cobri os Jogos Pan-Americanos do Rio 2007, Eliminatórias, entre outros. Também fui colunista no JS, tinha um Blog no JS. Sou Benemérito do Bonsucesso Futebol Clube. Também sou vetorizador, pesquisador e historiador do futebol brasileiro! E-mail para contato: sergiomellojornalismo@msn.com Facebook: https://www.facebook.com/SergioMello.RJ

5 pensou em “Faleiro Futebol Clube – Rio de Janeiro (RJ): Dois anos sem conjugar o verbo ‘perder’

  1. Leonardo+Vieira+Barbalho

    Faltou citar o resultado do jogo entre Ceres e Faleiro em 02/07/1950: o jogo terminou empatado em 2 a 2

  2. paulo roberto

    Bom dia amigos..Sérgio . você tem o campeonato carioca da sendo a carioca de 1994..que na prática era a terceira divisão.que teve como campeão o nova iguaçu.ficaria muito feliz se vcs postassem pra nós os números desse certame de 1994.. abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *