Grandes Goleadas – Maiores goleadas da Copa América

11/05/1919 –  Brasil 6 x 0 Chile

18/09/1920 – Brasil 0 x 6 Uruguai

12/10/1926 – Chile 7 x 1 Bolivia

20/10/1926 – Argentina 8 x 0 Paraguai

28/10/1926 – Uruguai 6 x 0 Bolivia

30/10/1927 – Argentina 7 x 1 Bolivia

06/11/1927 – Uruguai 9 x 0 Bolivia

22/01/1939 – Uruguai 6 x 0 Equador

09/02/1941 – Uruguai 6 x 0 Equador

18/01/1942 –  Uruguai 7 x 0 Equador

22/01/1942 – Argentina 12 x 0 Equador

28/01/1945 – Uruguai 7 x 0 Colombia

07/02/1945 – Argentina 9 x 1 Colombia

21/02/1945 – Brasil 9 x 2 Equador

02/12/1947 – Argentina 6 x 0 Paraguai

04/12/1947 – Argentina 7 x 0 Bolivia

06/12/1947 – Uruguai 6 x 0 Chile

18/12/1947 – Argentina 6 x Colombia

03/04/1949 – Brasil 9 x 1 Equador

10/04/1949 – Brasil 10 x 1 Bolivia

24/04/1949 – Brasil 7 x 1 Peru

30/04/1949 – Paraguai 7 x 0 Bolivia

11/05/1949 – Brasil 7 x 0 Paraguai

01/03/1953 – Brasil 8 x 1 Bolivia

23/03/1953 – Uruguai 6 x 0 Equador

27/02/1955 – Chile 7 x 1 Equador

13/03/1957 – Argentina 8 x 2 Colombia

21/03/1957 – Brasil 7 x 1 Equador

24/03/1957 – Brasil 9 x 0 Colombia

08/03/1959 – Uruguai 7 x 0 Bolivia

10/08/1975 – Argentina 11 x 0 Venezuela

13/08/1975 – Brasil 6 x 0 Venezuela

29/08/1979 – Chile  7 x 0 Venezuela

26/06/1997 – Brasil 7 x 0 Peru

30/06/1999 – Brasil 7 x 0 Venezuela

08/07/2007 – Mexico 6 x 0 Paraguai

O torneio de seleções mais antigo também foi um campeonato de muitas goleadas, aa Argentina detem as duas maiores Equador e Venezuela foram suas maiores vitimas, o Uruguai a maior vencedor nunca aplicou uma daquelas sonoras mais fez muitas vitimas o Equador é a preferida, o Brasil tomou algumas, mas somente uma de 6 a 0 contra a Celeste foi mais humilhante, bem que foi lá bem no inicio, depois sapecou muitas delas, somente no Sulamericano de 1949 venceu até a final por goleada, aliás foi numa Copa América em 1957 que Evaristo de Macedo fez 5 tentos num só partida pela Seleção Canarinha um feito que nem Sua Majestade o Rei Pelé conseguiu.

Fontes: Site mundedufut.fr

Textos: Galdino Silva

Compartilhe...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *